Tranquilidade e segurança
ao seu alcance!
(67) 3306-8828
Artigo - Segurança: gasto ou investimento?

Dentro do conceito de segurança pessoal, a pergunta que dá título ao artigo é feita quando desejamos quantificar o retorno de um determinado valor investido em prol do significativo e mais importante patrimônio, que é a preservação da integridade física - bem de valor inestimável, já que se trata de vidas humanas. A resposta exata para tal questionamento é obtida, porém, somente quando a busca pelos serviços de segurança passa por um criterioso processo de seleção.

Do lado prático e frio, há de se considerar que a remuneração de profissionais como atletas, celebridades e outros de sucesso muitas vezes é tornada pública, os deixando vulneráveis quando o assunto é segurança. Pessoas que circulam com um carro importado - evidenciando uma renda elevada - também compõem esse público. Compõem, mas não se restringem somente a eles, já que pesquisas divulgadas nos meios de comunicação mostram o Brasil como um país com uma significativa diferença de renda, ainda mais perceptível nos grandes centros, o que instiga ainda mais o aumento da violência. Soma-se a esse já tenebroso cenário o fato de a imagem do sistema de segurança pública estar fragilizada e como resultado de todos esses fatores, temos o aumento da participação do mercado de produtos e serviços de segurança.

Dentro desse universo crescente de investimentos para a segurança está contida a blindagem de automóveis, serviço que, em nenhum outro lugar do mundo, tem tido um “ambiente” tão propício para o desenvolvimento quanto no Brasil. E não é à toa, já que a alta tecnologia empregada na blindagem nacional faz do país o melhor do mundo em tal modalidade de serviço, sem deixar de citar a ampliação das opções de créditos, que facilita e torna possível tal investimento por parte de quem tem interesse, mas não dispõe de recursos financeiros para tal.

Porém, nem tudo são flores nesse crescente nicho. O aumento na demanda trouxe como consequência o surgimento de muitas empresas aventureiras, não regularizadas junto ao Ministério da Defesa, e que não seguem programas de qualidade e tão pouco recolhem impostos ou cumprem com suas obrigações trabalhistas. É aí que mora o perigo.

O consumidor deve ficar atento quanto à idoneidade do prestador do serviço, para que todo aquele seu investimento na segurança não se torne tão somente um gasto, com um serviço de baixa qualidade e fabricação deficiente, que pode seguir um critério de instalação duvidoso.

A escolha da empresa que fará a blindagem não deve ser feita apenas considerando o preço ou o impulso de um momento. É essencial, como em qualquer modalidade de investimento, que o investidor conheça a empresa blindadora e acompanhe o processo da blindagem de seu carro. A segurança e a confiança no trabalho prestado devem ser os primeiros critérios nesse processo de seleção, e somente depois deve ser avaliado o preço.

A aquisição de um carro é um dos momentos de maior ansiedade para quase todas as pessoas. Essa ansiedade é ainda maior quando a opção é a de se adquirir um carro blindado, e é exatamente este sentimento que leva as pessoas a cometer equívocos no momento de investir na sua segurança. A blindagem veicular deve partir de uma decisão planejada, pois envolve não somente uma quantia relevante de capital, mas também algo com o qual terá que compartilhar boa parte de seu tempo. 

Deve-se refletir que não é simplesmente uma pura decisão financeira que envolve patrimônio, pois, envolve algo muito maior. Diz respeito à preservação de vidas e, como tal, devem-se levar em conta todos os custos e riscos envolvidos no momento da escolha da empresa de blindagem de veículos.

Nesse sentido, a ABRABLIN (Associação Brasileira de Blindagem) é uma excelente referência na busca de empresas idôneas, assim como a ANBID (Associação Nacional dos Bancos de Investimento) o é para o mercado de capitais.

* Fabio Rovêdo de Mello é administrador de empresas / Pós-graduado em Administraçao e Finanças pela Universidade Paulista. Atua na ABRABLIN como Presidente da Câmara de Blindadores



Rua Amazonas, 297 - Campo Grande - MS
Tel: (67) 3306-8828 / (67) 8401-5366